Imagem Corporal e Auto-estima

A imagem corporal é a percepção que temos de nós próprios e o que idealizamos ao pensarmos nos nossos corpos e aparência física. É influenciada pelos padrões estipulados pela sociedade em que vivemos, cultura que nos rodeia, pela nossa família e também pelas nossas  experiências individuais.

Pode definir-se a auto-estima como o sentimento de aceitação e apreço por nós mesmos, e que se une ao sentimento de competência e valor pessoal. O conceito que temos de nós próprios não é algo herdado, mas sim aprendido com o que nos rodeia, mediante a valorização que fazemos do nosso comportamento

A auto-estima tem impacto no modo como vemos o nosso corpo e está relacionada com a maneira como uma pessoa valoriza as suas habilidades físicas, aptidões, capacidades inter-pessoais, papéis familiares e imagem corporal.

Características das pessoas com  auto-estima alta

Superam os seus problemas ou dificuldades pessoais

Enfrentam  os novos desafios com optimismo, tentando superar o medo e assumindo responsabilidades

Comunica com facilidade e é sociável, valoriza a amizade e tem iniciativa para se dirigir às pessoas

Não necessita da aprovação dos outros, não se vê nem superior nem inferior aos outros

Conhece os seus interesses, as suas habilidades e as suas experiências de modo a tirar o máximo partido delas.

Características de pessoas com auto-estima baixa

Não acredita em si próprio e tem sentimentos de insegurança

Não alcançam as metas propostas

Falta de aptidões sociais adequadas para resolver situações conflituosas (pessoas submissas ou muito agressivas)

Aumento dos receios e da negação social e, portanto, inibição para participar activamente nas situações

Conselhos práticos para melhorar a auto estima:

O facto de querer mais e melhor está nas suas mãos, não nos outros. Tudo reside na sua cabeça e és tu que deves tentar mudar a tua auto-estima

Aceita-te como és, com as tuas qualidades e defeitos. Todos temos defeitos, ninguém é perfeito nem pretende sê-lo

Desenvolve o sentido de humor, não dês tanta importância a coisas que não têm importância, nem a possíveis comentários dos outros.
Presta mais atenção, dedica tempo a fazer o que te faz feliz e te satisfaça

Não temas as responsabilidades ou a tomada de decisões. Se alguma coisa correr mal aprende com os teus erros e tem coragem para tentar de novo. Ninguém está livre dos erros e às vezes temos que ver o lado positivo dos fracassos, mesmo que se fechem algumas portas, outras se abrirão e inclusive melhores

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s